Palavra do Pároco

CRISTO REI

 

Como de costume em nossa Diocese de Nova Iguaçu, o dia de Cristo Rei é vivido numa grande festa, na qual há o encontro para celebrar e viver a proclamação de Jesus o Cristo como nosso Senhor. Esse mistério é o fundamento de nossa fé e o empenho de nossa ação pastoral. Neste sentido se aproveita para revitalizar nosso compromisso com uma eclesialidade ministerial. Por isso, neste ano é importante destacar o envio dos Ministros leigos e dos novos cargos de colaboração na vida pastoral diocesana.


Ao escolher este dia em especial a Igreja de Nova Iguaçu reconhece sua missão de Povo de Deus a caminho e busca reconhecer o Senhor Jesus como fonte desta vocação. As origens do reconhecimento do reinado de Cristo se encontram no próprio evangelho. Cristo não reina de acordo com categorias humanas, o seu reinado, esclarece, não é deste mundo. A Cristo pertence o Reino de Deus. Em um importante diálogo com Pilatos, durante o seu juízo, afirma o seu reinado. “Tu és Rei?” Pergunta Pilatos diante no tribunal. “Tu o dizes, eu sou rei. Para isso nasci e vim ao mundo, para dar testemunho da verdade. Todo aquele que é da verdade escuta minha voz” (Jo 18,37). Jesus é rei da verdade. Pilatos pergunta-lhe: “O que é a verdade?” Mas não espera a resposta. (É comum em nossa vida perguntar as coisas para Deus e não querer saber a resposta). O que é esta verdade que é a identificação com Ele próprio? “Eu sou a Verdade e a vida” (Jo 14,6). Ser verdade para Jesus é ser Ele próprio o testemunho da vontade do Pai: Estabelecer no mundo o domínio da misericórdia amorosa da qual o Pai é a fonte. “Graças a esta vontade é que somos salvos” (Hb 10.10). Durante sua vida procura unicamente fazer a vontade do Pai: “E a vontade do que me enviou é esta: que eu não perca nenhum de todos aqueles que me deu, mas que eu o ressuscite no último dia” (Jo.6,39).


A partir desta compreensão somos inseridos no ministério de Cristo Rei. Ele é o verdadeiro ministro. Ele confere a nós a missão de continuar na história sua ação salvadora e proclamar a Misericórdia divina. Por isso a Igreja com suas pastorais, movimentos e ministérios tem que ser esse sinal de salvação para a humanidade. A Igreja ao confiar e enviar os ministros e as coordenações pastorais quer fortalecer seu compromisso, seu amor e sua decisão de seguir Jesus, Caminho, Verdade e Vida.


Peçamos a Deus a sabedoria para viver nosso ministério em conformidade como Jesus Rei do Universo e tenhamos Nele a esperança de um mundo melhor o solidário, comprometido como e Evangelho.

 

 

Com as bêçãos divinas,

Pe. Ricardo Barbosa.

Como de costume em nossa Diocese, o dia de Cristo Rei é vivido numa grande festa, na qual há o encontro para celebrar e viver a proclamação de Jesus como nosso Senhor..

Segunda, 19h e Sexta-feira, às 08h.
Quarta-feira (missa da graça), às 19h.
Domingo, às 6h30m, 8h e 19h.
Copyright 2011-2013 © Paróquia São Francsico de Assis, Nova Iguaçu/RJ - Todos os direitos reservados